Projeto de extensão PERTENSER: tateando uma possí­vel pedagogia decolonial

Autores

  • Helena Regina Esteves de Camargo Instituto Federal de São Paulo
  • Daniel Teixeira Maldonado Instituto Federal de São Paulo

Resumo

O presente trabalho debruça-se em discutir alternativas para uma pedagogia decolonial, a partir de um plano de aula organizado para o PertenSer, projeto de extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia, campus São Paulo, que é voltado para crianças migrantes e/ou filhas de migrantes da comunidade aos redores da instituição. Ao realizar a formação com os estudantes das Licenciaturas que ministram aulas para o público extensionista, defendemos que a pedagogia decolonial valoriza os conhecimentos produzidos pelos grupos subalternizados e dialoga com as experiências crí­ticas e polí­ticas vividas dentro dos movimentos sociais, constituindo-se enquanto um projeto polí­tico construí­do nas escolas, nas universidades, nos movimentos sociais, nas comunidades negras e indí­genas e em outros diversificados espaços de resistência. O plano de aula em foco tematizou os cuidados de si e de outros e propôs uma "viagem" ao estado de Oaxaca, México, onde as crianças pudessem conhecer os Alebrijes e seus poderes de cura e proteção. Palavras-chave: Educação Intercultural; Pedagogia Decolonial; Projeto de Extensão.

Biografia do Autor

Helena Regina Esteves de Camargo, Instituto Federal de São Paulo

Possui graduação em Letras - Tradução/Interpretação pelo Centro Universitário Ibero-Americano (2002). É mestre e doutora em Linguí­stica Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas (área de multiculturalismo, educação bilí­ngue e PLA). Possui ampla experiência no ensino de lí­ngua inglesa em institutos de idiomas e na Educação Básica. Colaborou com a produção de material didático para educação bilí­ngue. Vem ampliando sua experiência na área de Português como Lí­ngua Adicional em contextos minoritarizados, atuando no contexto das migrações de crise em São Paulo. É aplicadora do exame de proficiência em português brasileiro Celpe-Bras. É membro do grupo de pesquisa Vozes na Escola: cultura e identidade em cenários sociolinguisticamente complexos. Suas pesquisas envolvem bilinguismo e educação bilí­ngue, práticas translí­ngues, polí­ticas linguí­sticas, polí­ticas de acolhimento, PLAc e migrações de crise.

Daniel Teixeira Maldonado, Instituto Federal de São Paulo

Bacharel e Licenciado em Educação Fí­sica pela Universidade São Judas. Mestre e Doutor em Educação Fí­sica pela Universidade São Judas. Docente do Instituto Federal de São Paulo.

Downloads

Publicado

23-04-2021

Como Citar

Camargo, H. R. E. de, & Maldonado, D. T. (2021). Projeto de extensão PERTENSER: tateando uma possí­vel pedagogia decolonial. Revista Educação E Cultura Contemporânea, 18(54), 161–181. Recuperado de https://mestradoedoutoradoestacio.periodicoscientificos.com.br/index.php/reeduc/article/view/8708

Edição

Seção

Criatividade, lúdico e interculturalidade