Jovens em situação de privação de liberdade: vozes, vivências e caminhos

Autores

  • Kátia Aparecida da Silva Nunes Miranda Secretaria de Estado de Educação do Estado de Mato Grosso

Resumo

Este estudo tem como objetivo apresentar parte de uma pesquisa de doutorado que busca compreender os processos educativos vivenciados pelos jovens em situação de privação de liberdade quando inseridos em uma prática social. Os pressupostos teórico-metodológicos que sustentam a investigação estão ancorados em ferramentas da pedagogia crí­tica para a realização da análise dos dados, que foram coletados junto a cinco colaboradores no Centro de Atendimento Socioeducativo de Cuiabá-MT (CASE) . O estudo revela o descompasso entre as tratativas legais da socioeducação, perspectivas e expectativas apresentadas pelos jovens em suas vivências no cotidiano. Palavras-chave: Jovens em situação de privação de liberdade. Socioeducação. Educação dialógica e libertadora.

Biografia do Autor

Kátia Aparecida da Silva Nunes Miranda, Secretaria de Estado de Educação do Estado de Mato Grosso

Doutora em Educação pela Universidade Federal de São Carlos - UFSCar/SP, professora da educação básica do Estado de Mato Grosso, integrante do grupo de pesquisa Práticas Sociais e Processos Educativos; linha de pesquisa Educação de Jovens e Adultos em situação de restrição e privação de liberdade e do Núcleo de investigações e práticas em educação nos espaços de restrição e privação de liberdade - EduCáceres/UFSCar e membro associado do Núcleo de Estudos e Pesquisa Emancipatória em Linguagens/Nepel -UFMT. https://orcid.org/0000-0002-2103-4889

Downloads

Publicado

27-04-2020

Como Citar

Miranda, K. A. da S. N. (2020). Jovens em situação de privação de liberdade: vozes, vivências e caminhos. Revista Educação E Cultura Contemporânea, 18(53), 102–121. Recuperado de https://mestradoedoutoradoestacio.periodicoscientificos.com.br/index.php/reeduc/article/view/7038

Edição

Seção

Seção temática